Chegou a hora. Você planejou como será 2018?

Publicado em:

Com a proximidade do novo ano devemos iniciar os trabalhos no sentido de apontar nosso foco para os objetivos de 2018, sob pena de sermos engolidos pelo dia a dia e perdermos de perspectiva nossa visão de longo prazo.

Bom, antes de continuar, permita-me lhe fazer uma pergunta:

Qual é a visão de longo prazo do seu escritório?

Quando fazemos esta pergunta a nossos clientes de consultoria, normalmente, não obtemos uma resposta clara e objetiva. Isso acontece justamente porque o gestor não investiu tempo para planejar como será o futuro do seu empreendimento jurídico e, como consequência, fica à deriva, sem foco e sem alinhamento estratégico.

Existem algumas ferramentas interessantes para se fazer um planejamento estratégico, tais como a Matriz SWOT, 5 forças de Porter, Matriz BCG e o Balanced Scorecard, este último foco deste artigo.

Balanced Scorecard (BSC) é uma metodologia desenvolvida pelos professores da Harvard Business School, Robert Kaplan e David Norton, no início da década de 1990, a qual visa a medição e gestão de desempenho de empreendimentos.

O principal objetivo do BSC é o alinhamento do planejamento estratégico com as ações operacionais do escritório, trata-se de uma ferramenta de comunicação e gestão da estratégia.

Com a evolução do mercado da advocacia, os empreendimentos jurídicos precisaram se reinventar, se profissionalizar e esse cenário é marcado por uma revolução no modelo de competição.

Neste novo contexto, um mercado com mais de um milhão de advogados inscritos na OAB, a perspectiva estratégica é fundamental para que a banca se diferencie no mercado.

Atualmente, não basta o advogado ser excelente em seu ramo de especialização do direito, é preciso manter uma visão e posicionamento estratégicos claros, visando diferenciar-se de seus concorrentes.

O grande dilema, após enxergar a situação em que se encontra a advocacia no Brasil, é definir formas para transformar uma estratégia em algo concreto e executável por toda a equipe do escritório.

Justamente neste ponto é que o BSC se insere, pois trata-se de um ferramental que tem a capacidade de comunicar a visão e a estratégia por meio de indicadores de desempenho, os quais são originados de metas claramente estabelecidas, criando um sistema de causa e efeito.

Vamos simplificar o entendimento. No planejamento estratégico surge a estratégia do escritório, sua visão de longo prazo, seus indicadores, suas metas, mas na maioria das vezes, não existe nenhum sistema de gerenciamento que permita verificar o andamento da execução da estratégia.

Assim, o BSC como um ferramental baseado no gerenciamento das metas (atingimento ou não), através de indicadores de desempenho, possibilita identificar desvios de execução e oportuniza a realocação de recursos humanos, financeiros e físicos para que todos os objetivos possam ser alcançados.

Gostou deste artigo? Participe do Webinar que abordará este tema com maiores detalhes no dia 14 de dezembro, a partir das 16 horas.

Para fazer inscrição, basta acessar: http://bit.ly/planejamento2018adv

 

Valdemiro Kreusch Júnior – Éos inovação.na.advocacia

É publicitário e possui MBA em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas. Executivo de Marketing com mais de 15 anos de experiência, professor de pós graduação e da ESA (Escola Superior de Advocacia da OAB/PR), sócio fundador da ÉOS Inovação na Advocacia, mentor de Inovação, Estratégia Empresaria e Marketing, criador do conceito Law Business Design.