Crescimento do escritório de advocacia: E agora o que fazer?

Publicado em:

O crescimento do escritório de advocacia é uma decorrência natural dos negócios que têm um ótimo planejamento. É ele quem define os objetivos finais e as ações que precisam ser realizadas para que se chegue lá.

O gestor sabe exatamente para onde quer levar o negócio, como fazer isso e como acompanhar a evolução do objetivo para ajustar a rota quando necessário. Se tudo isso é feito de maneira correta, o crescimento vem.

Mas e quando ele vem? Você está preparado para esse boom? O primeiro passo, óbvio, é não apavorar. É preciso compreender os estágios de crescimento de uma empresa, especialmente o momento da expansão, e o que fazer para se preparar para a nova etapa.

Serão precisos novos investimentos, e é necessário saber onde eles serão alocados.

Confira nosso texto de hoje para realizar uma ótima gestão no escritório de advocacia em crescimento!

5 motivos para automatizar o fluxo de tarefas

Estágios de crescimento

Fluxo de tarefas muito intenso, equipes atribuladas no limite, muito clientes, tecnologia atual já não dá conta da demanda. Esses são sinais de crescimento que podem aparecer no escritório de advocacia. Para saber como interpretá-los, o gestor deve entender os 4 estágios de crescimento: new venture, expansão, profissionalização e consolidação.

New venture

Esse primeiro estágio de crescimento do escritório de advocacia é o momento em que as atividades já estão minimamente organizadas para atender aos clientes. Veja algumas práticas comuns desta etapa:

  • Esboçar o planejamento estratégico;
  • Definir missão, visão e valores;
  • Conhecer concorrentes e mercado (identificar e segmentar);
  • Organizar contabilidade básica (fluxo de caixa, orçamento, capital de giro etc.);
  • Definir modo de cobrança e receitas.

Expansão

As atividades iniciais deram os primeiros resultados, e a demanda do escritório cresceu bastante. Isso fez com que o gestor avaliasse junto com os sócios a contratação de novos advogados e a expansão da infraestrutura. Isso porque a equipe atual não comporta o volume de clientes e, se for aumentada, será preciso investir em espaço físico ou estruturar home office.

Diante desse aumento inesperado de demanda, é preciso reavaliar as estratégias traçadas para adaptar o modelo, que deu certo na fase inicial, para ganhar escala. O marketing jurídico tem papel importante neste ponto para aumentar os canais de vendas do serviço e desenvolver melhor a marca no mercado, sempre obedecendo ao Código de Ética e Disciplina da OAB. E, obviamente, estruturar ainda melhor o relacionamento com o cliente.

Um ponto importante que o gestor deve considerar nesse momento é na hora de contratar novos advogados e funcionários para o escritório. É preciso que eles tenham afinidade com a cultura do escritório para que a expansão não seja atrapalhada.

No controle financeiro, é hora de pensar em uma nova rodada de investimento, em um orçamento anual mais robusto e numa gestão do fluxo de caixa bastante eficiente para evitar os riscos de crise financeira. Se há alta inadimplência, é preciso definir processos de cobrança.

Com essas ações, o crescimento do escritório de advocacia está pronto para entrar na próxima etapa.

Profissionalização

No estágio de profissionalização, o crescimento do escritório de advocacia está condicionado a definir bem o modelo de expansão, com planejamento, objetivos, metas e controle. Isso pode envolver abrir franquias do escritório ou aquisição e fusão de outros negócios jurídicos.

Ao mesmo tempo, é preciso aumentar a transparência e fortalecer as práticas de governança para atuar sempre dentro da lei. Ter líderes claros neste momento pode ajudar bastante no compliance.

Certamente, para a profissionalização, é preciso ter equipes que trabalham bem juntas, com profissionais capacitados e motivados. A valorização de todos é primordial, com plano de carreira e de desenvolvimento interno.

E, por fim, uma prática fundamental para profissionalizar o escritório é ter um software jurídico para otimizar a gestão. Ele é uma das soluções tecnológicas que não pode faltar em escritórios em expansão, porque auxiliará na tomada de decisões, no controle financeiro e em muitos outras tarefas.

Consolidação

A consolidação é um momento em que o escritório tem mais burocracia e complexidade. Equipes grandes, muitas demandas, diversos e intensos fluxos de tarefas, advogados que não conheceram os sócios iniciais e outras características marcam esse estágio.

Ao mesmo tempo, é o momento em que o escritório se consolida no mercado, traça estratégias de fusão, aquisição e internacionalização, implementa outras ferramentas de gerenciamento de processos para aumento da produtividade, tem auditoria financeira definida, faz a gestão de risco de crédito e muito mais.

Lidando com o crescimento do escritório de advocacia

O crescimento do escritório de advocacia é uma realidade. E o que fazer agora? Quais são os riscos? Como avaliar prioridades?

O primeiro ponto que o gestor deve ter é clareza quanto ao que priorizar em cada estágio de crescimento. Se no new venture a área-chave de desenvolvimento do escritório é o mercado e o produto, com o objetivo que provar o conceito do negócio, na fase de expansão, o objetivo é escalar e priorizar recursos e sistemas operacionais.

Na fase de profissionalização, o foco é profissionalizar a gestão e seus sistemas. E na fase de consolidação a prioridade é a cultura corporativa, que completa a transição para uma gestão profissionalizada. Com essas prioridades em mente, é preciso reavaliar todo o planejamento feito, porque, provavelmente, muitas metas e objetivos foram alcançados.

O acompanhamento e a revisão do planejamento estratégico é necessário quando se fecha um ciclo de crescimento do escritório de advocacia. Consequentemente, os demais níveis de planejamento – tático e operacional – também serão revistos. Será nessa revisão que serão identificados os novos riscos que devem ser gerenciados, o que possibilita lidar com imprevistos de forma mais segura.

A presença do gestor para avaliar prioridades e elencar os riscos é fundamental no crescimento do escritório de advocacia. Sua capacidade de se reinventar e tomar decisões acerca dos pontos críticos de cada estágio de crescimento é o grande diferencial na hora de atingir o sucesso.

A partir da compreensão das características de cada etapa, é possível ter em mente as melhores estratégias. Assim, será mais fácil lidar com o crescimento e ter um planejamento adequado para alcançar novos patamares.