Home office no mundo jurídico

Publicado em:

Sem tempo para ler? Aperte o play e ouça o artigo! O home office no mundo jurídico vem sendo adotado a cada dia mais. Nos diversos tribunais do país, já existem normas que permitem aos servidores trabalhar de casa. Os escritórios de advocacia também estão utilizando esse modelo de trabalho, que foi recentemente inserido na CLT.

Esse crescimento do trabalho remoto se dá, principalmente, porque ele apresenta benefícios para o advogado e para a empresa. Para trabalhar de casa ou de qualquer outro lugar fora do escritório só demanda uma conexão com a internet. Quer saber quais as vantagens do home office no mundo jurídico? Confira!

Flexibilidade

Todos sabem que a rotina de um advogado é muito corrida. Entre audiências e reuniões com clientes, é preciso arrumar tempo para elaborar as peças e para realizar algumas tarefas secundárias. Por isso, qualquer tempo livre é ouro.

Uma das vantagens do home office é a flexibilidade de horários, que permite ao profissional fazer as tarefas e organizar seu tempo conforme seus desejos. Se você é um advogado que rende melhor no período noturno, por exemplo, poderá elegê-lo como turno de trabalho. No caso de imprevistos, basta adequar o horário. Se sobrou um tempinho entre uma audiência e outra, é só sentar em algum lugar e aproveitá-lo.

A flexibilidade também contribui para um melhor atendimento ao cliente, já que é possível aproveitar melhor a agenda dos profissionais. E um cliente mais satisfeito é sinônimo de fidelização. Ponto positivo para o escritório!

Conforto

Aliado à flexibilidade, o home office proporciona conforto e comodidade. Em casa, é possível organizar um espaço da forma como desejar, com tudo aquilo que é importante e funcional. Um ambiente de trabalho organizado conforme o gosto é, inclusive, uma motivação extra para fazer as tarefas da melhor forma.

Além do conforto, trabalhar em casa é muito mais cômodo. Não há necessidade de acordar cedo para se arrumar, vestir as roupas sociais, se deslocar até o escritório, ou de preparar as refeições (se for o caso). As tarefas diárias são feitas no seu tempo, sem a correria habitual de quem depende de transporte público e ainda corre o risco de se prender em algum engarrafamento.

Qualidade de Vida

Se existe conforto e comodidade, é presumível que o home office no mundo jurídico também traz qualidade de vida ao advogado. Por vários motivos. O primeiro deles é que os horários de trabalho são definidos pelo próprio profissional conforme suas preferências e características.

Se o advogado gosta de fazer atividade física pela manhã e trabalhar à noite, não há problema. Se deseja ajudar seu filho com as atividades escolares à tarde, tudo bem.

Quando o profissional pode escolher sua melhor forma de trabalho, ele se torna mais realizado e satisfeito com a profissão. Por isso, terá mais disposição para realizar seu trabalho.

Outro ponto muito importante que confere qualidade de vida ao profissional é evitar o stress. Não perder tempo no trânsito e não sair de casa às pressas torna o ritmo da vida mais tranquilo. O resultado disso é positivo, já que há aumento considerável na produtividade, uma vez que o advogado fica mais descansado para o trabalho.

No fim da contas, é o escritório que usufrui dos benefícios de contar com um profissional satisfeito e produtivo para realizar suas tarefas.

Economia

Outro grande benefício do home office é a economia de recursos. Os advogados conseguem economizar um dinheiro significativo com deslocamento e com as refeições. Se o profissional se dirige ao escritório de carro, terá gastos com gasolina, deslocamento e depreciação natural do veículo. Tudo isso entra na conta.

Também há economia relevante para os escritórios, em especial com vale-refeição e vale-transporte, energia elétrica, suprimentos de escritório, equipamentos e mobiliário.

 

Para que o home office dê certo, o profissional deve ter disciplina para manter o foco e a produtividade em suas tarefas. Criar um ambiente favorável, evitar as distrações e adotar técnicas de concentração é imprescindível.

É preciso, também, manter um bom fluxo de trabalho e de comunicação com a equipe do escritório. Ferramentas como Skype e WhatsApp podem ajudar, mas quando se tem o CPJ-3C instalado em nuvem, o trabalho flui mais fácil.

Esse software jurídico torna a gestão do dia a dia mais eficaz, controlando prazos e agenda, capturando andamentos processuais e emitindo alertas por e-mail dos compromissos e audiências. As informações e documentos são compartilhados por toda a equipe, facilitando a integração.

Se você ainda não conhece nossa solução para servidor em nuvem, está esperando o quê?