WhatsApp para a advocacia

Publicado em:

Em uma era digital, toda solução tecnológica é bem-vinda para aumentar a produtividade e controlar a rotina do profissional. O WhatsApp para a advocacia também cumpre essas funções, mas vai além. Ele agiliza o contato entre advogado e cliente, contribui para a colaboração entre a equipe do escritório e confere agilidade nos processos judiciais. Saiba como!

Colaboração entre a equipe de advocacia

O WhatsApp é um aplicativo de mensagem instantânea que vem sendo cada vez mais utilizado no ambiente corporativo. Dentro do escritório de advocacia, essa tecnologia melhorou muito a gestão do escritório e a comunicação entre os profissionais. Especialmente porque é repassada de forma rápida e eficiente, sendo possível saber se todos receberam e estão cientes da mensagem.

Tanto é assim que recentemente foi lançado o WhatsApp Business, versão destinada a pequenas empresas com o objetivo de atender melhor o ambiente corporativo.

Ao contrário da ferramenta comum, que possui apenas perfis pessoais, ele possibilita ao usuário ter um perfil comercial, preenchido com as informações que os clientes buscam (descrição, endereço, site, e-mail, telefone). Assim, o cliente sabe que está se comunicando com uma conta comercial verificada.

O Whatsapp Business também tem novas ferramentas de mensagens (respostas automáticas, mensagens de saudação etc.), estatísticas (análise de métricas simples), e pode ser usado no computador.

Melhor relacionamento com o cliente

Outro ponto fundamental e positivo do WhatsApp para a advocacia é a melhoria no relacionamento com o cliente. O aplicativo se tornou um canal de contato direto com o público.

O advogado e o cliente podem trocar mensagens rapidamente, que podem envolver a solicitação e o encaminhamento de documentos, áudios e fotos, bem como atualizações a respeito dos processos.

A secretaria de um escritório de advocacia pode utilizar o WhatsApp para agendar consultas, enviar mensagens comemorativas e muito mais. Certamente, é claro, se o cliente autorizar. É extremamente incômodo receber uma mensagem não desejada. Por isso, é importante solicitar a anuência previamente, para que a relação não seja desgastada com o uso do aplicativo.

Agilidade nos processos judiciais

Um dos pontos mais discutidos e criticados no setor jurídico é a morosidade do Poder Judiciário. O baixo número de membros e de servidores não consegue dar conta de toda a demanda, que cresce exponencialmente a cada ano. O resultado disso, para os escritórios de advocacia, é a imprevisibilidade sobre o recebimento de honorários. Os recursos podem vir em 1 ano ou em 10 anos, dependendo da natureza da ação.

Por isso, nota-se uma grande tendência de utilizar cada vez mais a tecnologia no Poder Judiciário. O WhatsApp pode parecer uma ferramenta “boba”, mas sua agilidade vem contribuindo muito para os processos judiciais. Os tribunais estão adotando o aplicativo para realizar acordos, conciliações e intimações.

Alguns profissionais da área acreditam que esse uso não garante a segurança jurídica necessária, mas, até então, os juízes vêm usufruído dos benefícios da ferramenta.

Em novembro de 2014, por exemplo, um juiz do interior de Rondônia intimou as partes para o cumprimento da ação de execução pelo WhatsApp, para conseguir encontrar mais rapidamente a autora do processo.

Em abril de 2015, a 7ª Vara Criminal Federal de São Paulo institucionalizou, por meio de portaria, o uso de WhatsApp. O aplicativo foi utilizado para que advogados, procuradores, testemunhas, partes e público recebessem e enviassem materiais relacionados aos processos, bem como para agendar visitas e audiências.

No mesmo ano, um juiz do trabalho do Mato Grosso determinou uma citação via WhatsApp, após as tentativas frustradas de comunicação por postal e mandado por oficial de justiça.

Em 2016, uma juíza do TRT15 recebeu menção honrosa no prêmio “Conciliar é Legal”, do CNJ, pela realização de audiências por meio do aplicativo. Em três meses, foram mais de 100 audiências.

Uma justiça mais célere é benéfica para todos os envolvidos, inclusive para os advogados.

 

O uso do WhatsApp na advocacia confere mais eficiência e agilidade nos trabalhos. Felizmente, a tecnologia vem ganhando mais espaço no setor jurídico e beneficiando todos os atores que nele atuam, contribuindo, inclusive, para a redução de gastos. E você? Como usa o WhatsApp no seu trabalho? Conte para a gente nos comentários!